Search
sábado 19 setembro 2020
  • :
  • :

Dia Nacional de Mobilização dos Homens pelo Fim da Violência Contra as Mulheres é tema de palestra em Sumé

Dando continuidade às ações da Campanha “16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência Contra as Mulheres”, a Prefeitura de Sumé, por meio da Secretaria Municipal de Administração, organizou nesta sexta-feira (6), uma palestra educativa para os homens sobre o fim da violência contra as mulheres. O evento aconteceu no auditório da Secretaria de Educação e foi ministrado pelo professor, Valdonilson Barbosa, do CDSA/UFCG.

“É um momento gratificante poder contribuir com o tema, agradeço pela oportunidade de poder conversar com os homens no sentido de sensibilizá-los no combate à violência contra as mulheres”, destacou Valdonilson.

De acordo com ele, a violência contra a mulher está muito presente dentro de uma perspectiva machista. “É um tema muito importante que precisa ser trabalhado para que os homens possam transformar esse tipo de conduta, de comportamento que não é só danoso apenas para as mulheres, mas também para os homens, porque em sua maioria está envolvido nos mais diversos tipos de violências em decorrência dessa prática tão arraigada na sociedade”, disse. Ao seguirem por esse caminho, afirmou o professor, os homens deixam de ter um tipo de relacionamento saudável entre as pessoas, impactando negativamente nas relações humanas. 

A palestra foi dirigida para funcionários da Secretaria de Obras do Município. O servidor público Titiu avaliou o momento de forma positiva. “Gostei muito porque a gente saiu com uma orientação muito boa do professor. A violência contra a mulher está na cabeça de cada um, acredito que tudo se resolve na base de um bom diálogo”, afirmou.

O servidor Menininho, como é mais conhecido, compartilha da mesma ideia. Para ele, se não der certo para viver junto, o melhor é separar, em vez de violentar a mulher. “Eu achei a palestra muito interessante. O homem às vezes é meio cabeça dura, mas com as informações do professor, já dá para se organizar melhor, disse ele.

 O professor Valdonilson reforçou que quando o tema começa a ser debatido, refletido, é normal que isso gere um incômodo em alguns homens, porque faz com que eles saiam da zona de conforto e passe a se ver nessa situação, cometendo as formas de violência que existem na sociedade. “A mulher é a maior vítima desse mundo machista, já os homens se veem mais como algozes, como aquele que comete a violência”, setenciou.

Para encerrar o dia com o tema, o secretário de Administração, Bonílson Timóteo, reuniu todo os homens, servidores da sede da Prefeitura, para compartilharem a hashtag #ElesPorElas, de forma que a causa seja refletida por todos os colegas de trabalho.

Ascom PMS

06/12/2019