Search
terça-feira 5 março 2024
  • :
  • :

Sumé promove audiência pública para implantação da coleta seletiva de lixo

A prefeitura de Sumé realizou na manhã de quinta-feira, 13, uma audiência pública com o objetivo de conscientizar a comunidade sobre a importância da implantação da coleta seletiva de lixo.

O evento contou com a presença de prefeitos e secretários de municípios parceiros no projeto como Genivaldo Tembório (Prata), Silvano Dudu (Caraúbas) e Inácio Nóbrega (Amparo), dos vereadores sumeenses Daniel Lêla (Presidente), Antônio Carlos Sarmento, Leônidas Albino (Bomba) e Damião Rildo, secretários municipais da Saúde, Tanniery Lêla, Obras e Serviços Urbanos, Gian Braz, Assistência Social, Ednalva Libânio e Educação, Bonílson Timóteo, UFCG/CDSA, Franklin Nóbrega, além de líderes religiosos, professores, diretores, supervisores, agentes comunitários de endemias, de saúde, ambiental, cooperativa de catadores e reciclagem e membros da comunidade.

Durante a audiência, foi destacado que a legislação federal prevê que os municípios tenham planos e leis de gestão integrada de resíduos sólidos, e que a partir de 2025, caso a população não se adeque, o município de Sumé não receberá mais repasse da União. Por isso, o envolvimento da comunidade é fundamental para a implantação do projeto. Foi anunciado também que Sumé será sede da unidade de gerenciamento de resíduos, que atenderá aos municípios de Amparo, Ouro Velho e Prata.

A Secretaria Municipal de Educação ficará responsável por mapear as ações e traçar as diretrizes do projeto de coleta seletiva de resíduo sólido no município, com a ideia de iniciar a execução do projeto a partir de um bairro específico e depois expandi-lo para toda a cidade, envolvendo escolas, professores, alunos e a comunidade em geral.

O prefeito Éden Duarte destacou a importância dos parceiros na otimização da coleta seletiva com a conclusão e entrega do galpão de triagem. Ele ressaltou a importância da conscientização da população para que todos possam se engajar no projeto e solucionar o problema. A parceria do Governo do Estado para a construção de unidades de gerenciamento de resíduos sólidos simplificada, incluiu um galpão já construído em Sumé.

A audiência pública em Sumé foi considerada uma das melhores já realizadas até agora no estado, o que evidencia a seriedade com que a questão está sendo tratada no município. A expectativa é que a implementação do programa seja muito importante para a região e para a Paraíba como um todo, promovendo a sustentabilidade ambiental e melhorando a qualidade de vida da população.

Participaram da audiência, representando a Federação das Associações dos Municípios da Paraíba – Famup, Paulo Dalia, o Secretário Executivo da Secretaria Estadual de Desenvolvimento e Articulação Municipal – Sedam, Eduardo Dantas, representantes da Secretaria Estadual do Meio Ambiente e Sustentabilidade – Semas, Superintendência do Meio Ambiente – Sudema, Mayara Andriola e o promotor ambiental do Ministério Público da Paraíba e especialista em metodologias para a educação ambiental, José Farias de Sousa Filho.

Eles parabenizaram o prefeito Éden Duarte e todos os envolvidos na mobilização e organização da audiência pública para a implantação da coleta seletiva, que é estabelecida pela Lei 12.305 e ressaltaram a importância da participação do Governo do Estado, da Famup, do Ministério Público, da Secretaria de Meio Ambiente e da Sudema, para apoiar os municípios a solucionar a problemática dos resíduos sólidos. “A audiência pública em Sumé nos deixou felizes ao ver o envolvimento de toda a comunidade, estamos avançando no Cariri”, declarou Eduardo Dantas.

Dúvidas e Informações:

83 – 9 9910 6072 – 9 9611 9792 (ODS/Sumé)

0800 083 1403 (Ouvidoria)

ouvidoriamunicipaldesume@gmail.com

Ascom

14/04/2023